Busca avançada
Ano de início
Entree

Uma visão sistêmica do metabolismo fenólico e de lignina na gramínea modelo Setaria viridis

Processo: 22/09003-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2022
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fisiologia Vegetal
Pesquisador responsável:Igor Cesarino
Beneficiário:Leydson Gabriel Alves de Lima
Instituição Sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:21/06142-8 - Modificando o metabolismo fenólico: da descoberta de funções gênicas às biofábricas verdes, AP.BIOEN.JP2
Bolsa(s) vinculada(s):23/11316-0 - Uma visão sistêmica do metabolismo fenólico e de lignina na gramínea modelo Setaria viridis, BE.EP.DD
Assunto(s):Biologia molecular vegetal   Gramíneas   Setaria viridis   Fenilpropanoide   Lignina   Parede celular vegetal   Expressão gênica   Fatores de transcrição
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Fenilpropanóides | Gramíneas C4 | Lignina | Parede Celular Vegetal | Setaria viridis | tricina | Biologia Molecular de Plantas

Resumo

A biomassa vegetal é composta principalmente de paredes celulares secundárias ricas em polissacarídeos e constitui uma fonte promissora de açúcares fermentáveis para a produção de biocombustíveis e biomateriais. No entanto, o processamento da biomassa é dificultado pela complexa estrutura e composição das paredes secundárias, fato conhecido como recalcitrância da biomassa. O principal fator causador da recalcitrância é a presença do polímero fenólico lignina. Portanto, a elucidação dos mecanismos moleculares envolvidos no metabolismo fenólico e de lignina é essencial para alavancar a utilização da biomassa vegetal como matéria-prima na bioeconomia. Neste contexto, as gramíneas C4 são consideradas culturas promissoras devido ao seu alto rendimento na produção de biomassa. O objetivo deste projeto é utilizar Setaria viridis para aprofundar o conhecimento acerca do metabolismo fenólico e de lignina em gramíneas C4. Para tal, propomos um projeto de biologia de sistemas dividido em dois objetivos principais. Primeiramente, será gerado um mapa metabólico focado em fenilpropanóides e um atlas de expressão gênica de diferentes tecidos de S. viridis. Os dados de metabolômica e transcriptômica serão correlacionados de modo a permitir a identificação de genes potencialmente envolvidos em diferentes aspectos do metabolismo fenólico. O segundo objetivo é a caracterização funcional de um fator de transcrição da família MYB previamente selecionado em trabalhos do grupo e potencialmente relacionado com o metabolismo de lignina e tricina em S. viridis. Plantas transgênicas superexpressando e silenciando esse gene serão caracterizadas para parâmetros de biomassa, perfil metabólico, deposição de lignina, expressão gênica global e rendimento de sacarificação. As estratégias propostas permitirão elucidar novos aspectos do metabolismo fenólico e de lignina em gramíneas C4, além de validar potenciais estratégias biotecnológicas para reduzir a recalcitrância da biomassa. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)