Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização dos mecanismos moleculares envolvidos na importação mitocondrial da peroxirredoxina 3 (Prdx3) de mamíferos

Processo: 23/01812-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de março de 2023
Vigência (Término): 30 de setembro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Acordo de Cooperação: National Research Foundation of Korea (NRF)
Pesquisador responsável:Luis Eduardo Soares Netto
Beneficiário:Fernando Gomes
Instituição Sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:22/08446-7 - Mecanismos moleculares subjacentes à distribuição suborganelar de peroxirredoxinas mitocondriais de mamíferos: impactos na fisiologia e patologia, AP.R
Assunto(s):Mitocôndrias   Sinalização redox   Processos redox   Peróxidos   Peroxirredoxinas
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:espaço intermembrana | matriz | mitocôndria | peróxido | peroxirredoxina | Sinalização Redox | Processos Redox

Resumo

As mitocôndrias desempenham funções essenciais para a manutenção da homeostase celular. Dessa forma, o declínio da atividade mitocondrial tem sido associado com a etologia de diversas patologias humanas, tais como diabetes, doenças neurodegenerativas e câncer. Pelo fato de abrigarem reações do metabolismo oxidativo, essas organelas são consideradas fontes importantes de Espécies Reativas de Oxigênio (ROS = Reactive Oxygen Species). Peroxirredoxinas (Prxs) são as principais enzimas removedoras de H2O2, um tipo de ROS que também atua como sinalizador celular. Apesar dessas enzimas terem sido extensivamente caracterizadas bioquímica e estruturalmente in vitro, os mecanismos moleculares que controlam a importação e a maturação das isoformas mitocondriais permanecem pouco explorados. Nesse sentido, esse projeto tem como objetivo principal investigar os mecanismos moleculares que controlam a importação mitocondrial da peroxirredoxina 3 (Prdx3) de mamíferos. Já dispomos de dados preliminares indicando que Prdx3 humana está localizada em dois compartimentos mitocondriais: matriz e espaço intermembrana. Enquanto que o mecanismo de direcionamento de Prdx3 para o espaço intermembrana permanece desconhecido, a importação da enzima para a matriz mitocondrial parece ser regulada por clivagens proteolíticas catalisadas pelas proteases mitocondriais MPP e MIP. Empregando três abordagens experimentais descritas no plano de atividades, pretendemos caracterizar detalhadamente o processo de biogênese da Prdx3 mitocondrial humana, bem como o papel funcional dessa peroxidase na manutenção da homeostase redox mitocondrial. A compreensão do eixo mitocôndria, Prxs e H2O2 pode representar novas perspectivas para o entendimento da função mitocondrial e consequentemente do estabelecimento de intervenções terapêuticas em patologias associadas ao declínio da atividade mitocondrial. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)