Busca avançada
Ano de início
Entree

Clonagem e Expressão de Serino Peptidase de Fusarium oxisporum em Komagataella phaffii (Pichia pastoris): Purificação, Caracterização Bioquímica e Ensaios de Inibição

Processo: 22/16549-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2023
Vigência (Término): 30 de abril de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Hamilton Cabral
Beneficiário:Murilo Sousa do Couto Rosa
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Clonagem   Fungos filamentosos   Peptídeo hidrolases   Purificação   Enzimologia
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Caracterização Bioqímica | clonagem | Fungos filamentosos | Fusarium oxisporum | peptidases | purificação | Enzimologia

Resumo

O estudo sobre peptidase fúngica é considerado um tema relevante a nível mundial, pois estas enzimas estão envolvidas em diversos processos fisiológicos em diferentes organismos, assim o entendimento de como alguns fungos patogênicos interage com os hospedeiros, utilizando estas enzimas pode abrir novas oportunidades de terapias, no design de inibidores para peptidases envolvidas em patogenicidade associadas a fungos filamentosos. Outro campo em que as peptidases são importantes é no campo da biotecnologia, com o emprego de enzimas de fungos filamentosos em diversos setores industriais. Peptidases microbianas constituem o principal grupo de enzimas usadas industrialmente, responsável por cerca de 2/3 do total de enzimas comercializados. Enzimas de origem microbiana, além de robustas tem potencial significativo na gestão de resíduos e consequentemente, no desenvolvimento do meio ambiente mais seguro. A importância na determinação da especificidade de peptidases, ou seja, o mapeamento dos subsítios auxilia no desenho racional de inibidores e possibilita no entendimento do modo de ação das peptidases sobre proteínas alvos, por exemplo. Também auxilia em determinar possível aplicação comercial, pois prevê o ponto de clivagem da ligação peptídica entre os aminoácidos presentes em peptídeos e proteínas. O presente projeto tem por objetivo realizar a clonagem do gene sintético que codificam a serino peptidase de fungo filamentoso Fusarium oxysporum no sistema de expressão em Komagataella phaffi, além da expressão, purificação e a realização da caracterização bioquímica da peptidase. Devido à necessidade de maior conhecimento sobre a regulação da atividade desta peptidase, serão realizados ensaios de inibição de uma biblioteca de compostos sintéticos. Desta maneira, ao final deste projeto esperamos ter um panorama das características bioquímicas desta peptidase, além de possíveis compostos que regulam a atividade desta enzima, para que estudos mais aprofundados possam ser realizados.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)