Busca avançada
Ano de início
Entree

As Reduções Jesuíticas e a influência/interferência na cultura material Guarani dos estados do Paraná e e de São Paulo

Processo: 22/08708-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2023
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:Neide Barrocá Faccio
Beneficiário:Beatriz Mercês de Souza dos Santos
Instituição Sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Arqueologia   Arqueologia pré-histórica   Arqueologia histórica
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Arqueologia | Cerâmica Guarani | Geografia | Reduções jesuíticas | Arqueologia histórica

Resumo

Este projeto tem como objetivo identificar, mapear e analisar as Reduções Jesuíticas dos estados do Paraná e São Paulo, a fim de identificar as principais intervenções dos jesuítas na cultura material e no padrão de assentamento Guarani, tendo como objeto os Sítios Arqueológicos Alvim, Castelinho e Taquaruçu. Neste projeto, focaremos no grupo indígena Guarani, Tradição Tupiguarani. Antes da invasão dos portugueses, os Guarani habitavam os atuais estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo. A partir do Tratado de Tordesilhas, em 1494, que tinha por objetivo dividir o "mundo" por uma linha imaginária entre as duas maiores potências do século XVI - Portugal e Espanha - estabeleceram-se as Reduções Jesuíticas em busca da "salvação espiritual" dos indígenas e da demarcação do território fronteiriço espanhol, a fim de deter a expansão dos lusos sobre a região do Rio do Prata. Assim, uma nova organização do espaço atingiu o modo de viver Guarani, alterando a estrutura social das aldeias, a divisão do trabalho e, inclusive, a cultura material dos indígenas Guarani. Diante do exposto, analisaremos os Sítios Arqueológicos Alvim (Pirapozinho - SP), Castelinho (Presidente Epitácio - SP) e Taquaruçu (Sandovalina - SP), que tiveram interferência jesuítica na cerâmica, comprovada por Faccio (1992) e Thomaz (1995), por meio da cadeia operatória de produção cerâmica, padrão de assentamento e análise da paisagem dos sítios, a fim de estabelecer as relações territoriais das Reduções Jesuíticas nos Estados de São Paulo e Paraná, por meio da interdisciplinaridade da Geografia e Arqueologia. Para alcançar o objetivo proposto serão utilizados os seguintes procedimentos metodológicos: levantamento bibliográfico, análise de materiais cerâmicos, leitura de trabalhos correspondentes à temática investigada, trabalhos de campo exploratórios e mapeamento.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)