Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da importância do fator de regulação de CREB3 sobre a replicação do vírus Zika em trofoblastos.

Processo: 23/05503-2
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2023
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Eurico de Arruda Neto
Beneficiário:Matheus Henrique Pereira da Silva
Instituição Sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:19/26119-0 - Vírus emergentes e reemergentes: biologia, patogênese e prospecção, AP.TEM
Assunto(s):Trofoblastos   Vírus Zika   Virologia
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Crebrf | trofoblastos | Vírus Zika | Virologia

Resumo

O vírus Zika (ZIKV) é um importante arbovírus transmitido por mosquitos do gênero Aedes, tendo sido isolado pela primeira vez em 1947 na floresta Zika, localizada na Uganda. Em 2015, o vírus chegou ao Brasil, resultando em surtos por todo o país e sendo rapidamente associado com a ocorrência de síndrome congênita em fetos gerados por mulheres infectadas. A transmissão transplacentária foi comprovada por evidências clínicas e experimentos in vivo e in vitro, incluindo a fenotipagem de células infectadas por ZIKV. Os trofoblastos são tipos celulares reconhecidos por sua resistência às infecções virais, porém são susceptíveis e permissivos ao ZIKV e, a autofagia, um processo celular que pode desempenhar funções pró ou antivirais, foi descrita como um importante fator que favorece a replicação do vírus nessas células. Frente aos estudos que mostram que a proteína reguladora de CREB3 (CREBRF) é um importante repressor de autofagia, nosso grupo de pesquisa realizou o silenciamento de CREBRF em células da linhagem JEG-3 e foi observado um aumento da replicação do genoma de ZIKV. Portanto, no presente projeto, objetivamos investigar a expressão de proteínas virais e a geração de progênie infecciosa em células JEG-3 silenciadas utilizando Western Blot e titulação por ensaio de placa, respectivamente. Por outro lado, os mesmos parâmetros da replicação de ZIKV serão avaliados frente à superexpressão de CREBRF. Adicionalmente, serão preparadas culturas primárias de citotrofoblastos purificados de placenta humana. Estas culturas serão infectadas in vitro para avaliar a expressão de CREBRF a nível transcricional e pós-transcricional para entender se a infecção por ZIKV afeta a expressão dessa proteína como forma de induzir autofagia e favorecer a replicação viral.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)