Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação do efeito combinado de estresse oxidativo, idade e mutações app na função da barreira hematoencefálica

Processo: 23/12354-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 19 de janeiro de 2024
Vigência (Término): 28 de junho de 2024
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Pesquisador responsável:Lucimara Gaziola de la Torre
Beneficiário:Gabriela Gomes da Silva
Supervisor: Peter Charles Searson
Instituição Sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: Johns Hopkins University (JHU), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:21/02795-7 - Plataforma microfluídica do tipo brain-on-a-chip para mimetização da barreira hematoencefálica, BP.DD
Assunto(s):Doença de Alzheimer   Microfluídica   Estresse oxidativo   Barreira hematoencefálica   Envelhecimento da população
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Alzheimer disease | blood-brain barrier | microfluidics | Microvessels | Oxidative stress | Barreira hematoencefálica

Resumo

O envelhecimento populacional e o desenvolvimento de doenças degenerativas como o Alzheimer, cuja cura ainda é desconhecida, têm exigido a criação de novas estratégias que possibilitem estudá-las de forma mais eficiente e rápida. No entanto, o desenvolvimento de novos medicamentos para prevenir e tratar estas doenças depende de estratégias de administração de medicamentos que possam atravessar a barreira hematoencefálica (BHE). Esta barreira semipermeável e altamente seletiva faz a interface entre a circulação sanguínea periférica e o sistema nervoso central (SNC). Os avanços tecnológicos na área microfluídica têm possibilitado a construção de microambientes que mimetizem as condições humanas in vivo e contribuam como ferramenta para compreensão do funcionamento da BBB e estudos sobre a permeação de novos fármacos. Neste contexto, este projeto de pesquisa tem como principais objetivos (i) construção de um dispositivo microfluídico à base de hidrogel para mimetizar a BHE; (ii) obtenção de células tipo endoteliais microvasculares cerebrais derivadas de células-tronco pluripotentes induzidas por humanos (iBMECs); (iii) cultivar os iBMECs no dispositivo microfluídico para imitar os microvasos cerebrais; (iv) modelagem de estresse oxidativo agudo e crônico em microvasos cerebrais; (v) modelar o efeito combinatório do estresse oxidativo, envelhecimento e mutação da APP nos microvasos cerebrais. Este projeto será desenvolvido em colaboração com o grupo de pesquisa do Professor Peter Searson da Universidade Johns Hopkins (JHU, EUA). Espera-se que este projeto possa contribuir para a compreensão da doença de Alzheimer, modelando algumas perturbações na BBB associadas a esta doença. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)