Busca avançada
Ano de início
Entree

Fatores epigenéticos associados com a sobreposição clínica entre o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade e o Transtorno Depressivo Maior

Processo: 24/00083-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 19 de agosto de 2024
Vigência (Término): 18 de dezembro de 2024
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Pesquisador responsável:Diego Luiz Rovaris
Beneficiário:Iago Junger Santos
Supervisor: Gabriel Rodrigo Fries
Instituição Sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Texas Health Science Center at Houston (UTHealth), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:22/10133-7 - Interações entre Escores de Risco Poligênico e Background Ambiental e Epigenômico na Susceptibilidade e Gravidade de Transtornos Mentais, BP.IC
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Adhd | Clinical Overlap | Differential Methylation Position and Differential Methylation Region | Ewas | Mdd | Prs-Cs | Epigenômica psiquiatrica

Resumo

Fatores psicossociais podem impactar mecanismos epigenéticos, resultando em mudanças na expressão gênica. Transtornos como o Transtorno Depressivo Maior (TDM) e o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) são influenciados por fatores genéticos e ambientais. Recentemente, a relação entre esses transtornos e mudanças epigenéticas tem sido explorada, embora os resultados ainda sejam preliminares e heterogêneos. A alta correlação genética entre TDAH e TDM sugere que a genética do TDAH pode aumentar o risco de um "TDM potencialmente menos relacionado ao ambiente", além de estar significativamente associada a um aumento do risco de depressão precoce. Este projeto visa realizar um EWAS em uma amostra com histórico de TDAH focado em entender a sobreposição clínica entre este transtorno e o TDM a partir de amostras clínicas e populacionais dentro do exposoma brasileiro. Para isso, serão utilizados dados de duas amostras do sul do Brasil, uma clínica - da Coorte de TDAH Adulto de Porto Alegre -, e uma populacional - do banco de sangue do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Os dados estão sendo processados e normalizados, com a aplicação de vários métodos de controle de qualidade estatística. O foco durante o período em Houston será na melhoria do pipeline de análise do EWAS e na aplicação do PRS-CS. O objetivo do estágio no exterior é trazer novas ideias e insights para o projeto. A UT Health foi escolhida como a instituição de pesquisa devido à parceria entre o Dr. Gabriel R. Fries e o Dr. Diego Luiz Rovaris. Além disso, a UTHealth oferece uma valiosa oportunidade de treinamento em áreas modernas para pesquisa em saúde humana.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)