Busca avançada
Ano de início
Entree

Purificação e caracterização parcial de fator sinal difusivel (FSD) em Xylella fastidiosa

Processo: 01/13949-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2002
Vigência (Término): 30 de junho de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Bioquímica de Microorganismos
Pesquisador responsável:Marcio Rodrigues Lambais
Beneficiário:Renato Astorino Filho
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Xylella fastidiosa

Resumo

A Clorose Variegada dos Citros (CVC), doença causada pela bactéria Xylella fastidiosa, atualmente é uma das principais ameaças para a citricultura do Estado de São Paulo. A Xf apresenta vários genes homólogos a genes de Xanthomonas campestris pv. campestris (Xcc), incluindo os genes rpfB e rpfF, os quais, em Xcc, codificam proteínas responsáveis pela síntese de uma molécula sinal difusível (MSD), envolvida na regulação da expressão de vários genes de patogenicidade/virulência e, possivelmente, na percepção de quorum. Este projeto tem como objetivo a purificação e caracterização de uma MSD sintetizada por Xylella fastidiosa, a qual pode ser essencial para o controle do desenvolvimento da CVC. A extração da MSD de sobrenadantes de culturas de Xf será feira com acetato de etila saturado com carbonato de cálcio, e sua posterior purificação será feita por HPLC de fase reversa. As frações obtidas serão submetidas a bioensaios para a detecção de MSD homólogas à de Xcc, utilizando-se um sistema o repórter Xcc 8523 (pL6engGUS). As frações positivas para a presença da MSD serão caracterizadas através de espectrofotometria e ressonância magnética nuclear. (AU)