Busca avançada
Ano de início
Entree

Biomassa e atividade microbianas do solo rizosférico de cafeeiro micorrizado e com adição de Cu e Zn

Processo: 08/51433-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2008
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Adriana Parada Dias da Silveira
Beneficiário:Mariana Blanco Barato
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Cobre   Zinco   Microbiota   Biomassa   Agentes microbianos   Bioatividade   Rizosfera   Qualidade do solo

Resumo

Atividades antropogênicas, como a mineração, o uso intenso de fertilizantes e agrotóxicos e a aplicação de biossólido e outros dejetos no solo vêm causando sérios problemas ambientais por aumentar a concentração de metais potencialmente tóxicos, os quais podem se mobilizar e entrar na cadeia alimentar ou, ainda, causar toxicidade nas culturas e na vegetação, além da comunidade microbiana do solo. Os microorganismos do solo estão presentes tanto no solo como na rizosfera das plantas, onde são realizadas atividades metabólicas relevantes para o crescimento das plantas, decomposição da matéria orgânica e ridagem de nutrientes. Desta forma, níveis excessivos de MPs podem alterar seriamente os processos biológicos de grande importância no meio edáfico, havendo evidência de que tanto a diversidade microbiana quanto a atividade biológica são muitas vezes alteradas. Assim, o objetivo será avaliar os efeitos da adição de doses crescentes de Cu e Zn sobre a atividade e biomassa da comunidade microbiana do solo rizosférico de cafeeiro micorrizado, pela determinação do tamanho da biomassa e a atividade enzimática e metabólica da microbiota do solo, usadas como indicadores da qualidade do solo. Será realizado um experimento em casa de vegetação, com delineamento inteiramente ao acaso e em esquema fatorial 4x3, consistindo de quatro doses de Cu e de Zn e inocutação ou não de 2 espécies de fungos micorrizicos arbusculares, em cafeeiro (Coffea arabica). As variáveis a serem analisadas serão: C da biomassa "microbiana, respiração basal, atividade das enzimas desidrogenase, protease e fosfatase alcalina e qCO2. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.