Busca avançada
Ano de início
Entree

Biopolítica e educação: estudo sobre a inserção de atividades lúdicas em programas de políticas públicas voltados à educação infantil

Processo: 09/08794-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2009
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Fundamentos e Medidas da Psicologia
Pesquisador responsável:Hélio Rebello Cardoso Júnior
Beneficiário:Bruno Bezerra de Araujo
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL-ASSIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis. Assis , SP, Brasil
Assunto(s):Educação escolar   Métodos de ensino   Jogos

Resumo

Foucault mostrou que a partir do século XVII emergem novas técnicas de poder centradas no corpo dos indivíduos, são as práticas (ou tecnologias) disciplinares, que operam de modo a produzir "corpo dócil" e produtivo. Nosso interesse incide no modo de sujeição descrito por Foucault, que atinge o ser humano com práticas divisoras por meio das instituições disciplinares. Dessa forma, a problemática consiste em o modo como oscompreender jogos e brinquedos serviram e servem aos interesses dos espaços disciplinares, transformando-se em tecnologias para a captura e controle da infância. Nosso alvo é o sujeito infantil, que inserido em uma instituição escolar é colocado na posição de objeto para que dele se possam extrair certas funções. Para compreensão de tal tecnologia, visa-se um referencial teórico alicerçado nos estudos de Foucault, mais precisamente os da segunda fase, a saber, Genealogia. Julgamos que a compreensão das "características disciplinares" presentes nos jogos e brinquedos pode ser uma importante contribuição teórico-prática para o profissional de psicologia (principalmente o que atua na instituição escolar), também para os educadores e os demais profissionais da área de educação. Salientamos que não pretendemos desprezar ou negar que a atividade lúdica em meio à instituição escolar promove o desenvolvimento da criança; queremos nesse estudo nos ater apenas as características disciplinares presentes nos jogos e brinquedos, pois, julgamos ser um tema de pesquisa pouco explorado e acreditamos que assim teremos uma melhor compreensão do indivíduo submetido a um processo de sujeição, como a educação escolar. Para realização desse estudo, visamos uma metodologia baseada na leitura, pesquisa conceitual e discussão de questões referentes ao tema proposto; bem como a realização de reuniões entre bolsista e orientador para a discussão dos temas estudados. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)