Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise filogenética do subgênero Kerteszia de Anopheles meigen (Diptera: Culicidae) baseada em caracteres morfológicos

Processo: 00/11664-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2001
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Maria Anice Mureb Sallum
Beneficiário:Eliana Collucci
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:99/10517-1 - Estudos sobre domiciliação de mosquitos Culicidae, AP.TEM

Resumo

Este Projeto temático constitui uma continuação da temática representada pela domiciliação de Culicidae vetores, à qual vêm se dedicando o Núcleo de Pesquisa Taxonômica e Sistemática em Entomologia Médica (NUPTEM). Esse fenômeno nada mais representa do que a adaptação secundária de populações vetoras às condições propiciadas pelo ambiente humano. Assim sendo, o objetivo essencial é o de dar continuidade à execução de Projetos Temáticos (FAPESP 90/3371-6 e 95/0381-4) anteriormente executados. Face ao estado atual dos conhecimentos, a população humana do nosso país vê-se a braços com problemas de saúde pública os quais, ou se apresentam como emergentes ou então como re-emergentes. Diante disso, os estudos sobre a domiciliação de mosquitos deverá focalizar o comportamento, tanto o delas como o das atividades humanas. E, dessa maneira, mediante a comparação dos dois, chegar a conclusões que venham ao encontro das atividades de vigilância. Assim, pois, os estudos comparativos deverão ser feitos relativamente às seguintes situações: 1. Predominância do ecossistema natural. 2. Predominância do ecossistema urbano/comercial. 3. Predominância do ecossistema rural/agropecuário. Objetivando, entre outros, a proposição de nosso índice de domiciliação, as metas básicas a serem atingidas, implicam: 1. Identificação de populações. 2. Densidade e dinâmica populacional. 3. Relações com atividades humanas. 4. Dispersão e distribuição no ambiente antrópico. (AU)