Busca avançada
Ano de início
Entree

Alteracoes cerebrais em idosos deprimidos: avaliacao por tecnicas de neuroimagem estrutural.

Processo: 06/60305-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Pesquisador responsável:Cássio Machado de Campos Bottino
Beneficiário:Diana Moitinho Bezerra
Instituição-sede: Instituto de Psiquiatria Doutor Antonio Carlos Pacheco e Silva (IPq). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ressonância magnética   Depressão   Neuroimagem

Resumo

A depressão na terceira idade tem alta taxa de prevalência, podendo variar de 5% a 35%, sendo um transtorno psiquiátrico determinado por condições diversas, desde sociais a alterações biológicas, vasculares, funcionais, além de disfunção neuroendócrina e neuroquímica que ocorrem no cérebro durante o envelhecimento. Desta maneira, outras estratégias, como métodos de neuroimagem, podem se fazer necessárias para auxiliar no diagnóstico e tratamento da depressão em idosos. Dentro dos métodos de neuroimagem, a ressonância magnética (RM), vem sendo o mais utilizado por fornecer mais informações que a tomografia computadorizada (TC), devido a diversos fatores, como sua capacidade multiplanar, superioridade na resolução da imagem, e possibilitar maior diferenciação de estruturas anatômicas, entre outros. Há estudos que evidenciam a associação da depressão em idosos a anormalidades estruturais corticais e subcorticais, assim como, a maior quantidade de lesões de hiperintensidade na substância branca. O presente estudo tem por objetivo identificar alterações em substâncias branca e cinzenta no cérebro de idosos deprimidos quando comparados a idosos controle, fazendo uma investigação em todo o cérebro, através de uma análise morfométrica voxel-a-voxel, quantificar lesões de hiperintensidade de substancia branca, além de mensurar as diferentes frações de anisotropia. (AU)