Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de associação entre 230 SNPs em 60 genes candidatos e a resposta à atorvastatina

Processo: 08/01465-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2008
Vigência (Término): 30 de setembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia
Pesquisador responsável:Rosario Dominguez Crespo Hirata
Beneficiário:Alice Cristina Rodrigues
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil

Resumo

O tratamento farmacológico da hipercolesterolemia com vastatinas é um avanço no tratamento cardiovascular e da aterosclerose, são ilimitados os benefícios da terapia com os inibidores da HMG-CoA redutase. No entanto, seu uso é limitado devido à variabilidade interindividual na resposta ao tratamento. Devem-se considerar os seguintes fatores na interpretação da variabiabilidade terapêutica, como: estado de saúde do paciente, prognóstico, gravidade da doença, qualidade do medicamento prescrito, efeitos adversos, e finalmente o perfil genético do paciente. Recentemente, a contribuição genética tanto no benefício do tratamento ao doente, quanto na ocorrência de efeitos adversos, ganhou enorme reconhecimento como um importante problema a ser investigado. Nesse contexto, esse estudo propõe avaliar a resposta a atorvastatina em relação a polimorfismo presentes em três principais categorias de genes: genes associados à farmacocinética (absorção, distribuição e metabolismo), genes associados à farmacodinâmica (mecanismo de ação) e genes associados ao desenvolvimento da aterosclerose. Amostras de sangue total serão obtidas de 450 indivíduos, (200 normolipidêmicos e 250 hipercolesterolêmicos tratados com atorvastatina), para extração de DNA genômico e determinação de parâmetros bioquímicos. 230 polimorfismos foram selecionados em 60 genes pertencentes aos três grupos citados acima e serão analisados pelo sistema de genotipagem SNPlexTM. Esse sistema permite avaliar 48 polimorfismos ao mesmo tempo em uma mesma amostra de DNA. Espera-se que este estudo possa contribuir com o entendimento de fatores relacionados à variabilidade interindividual da resposta as vastatinas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RODRIGUES, ALICE C.; NERI, ELIDA ADALGISA; VERISSIMO-FILHO, SIDNEY; REBOUCAS, NANCY AMARAL; HIRATA, ROSARIO D. C.; YU, AI-MING. Atorvastatin attenuation of ABCB1 expression is mediated by microRNA miR-491-3p in Caco-2 cells. European Journal of Pharmaceutical Sciences, v. 93, p. 431-436, OCT 10 2016. Citações Web of Science: 5.
RODRIGUES‚ A.C.; HIRATA‚ M.H.; HIRATA‚ R.D.C. Impact of cholesterol on ABC and SLC transporters expression and function and its role in disposition variability to lipid-lowering drugs. PHARMACOGENOMICS, v. 10, n. 6, p. 1007-1016, 2009.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.