Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão e caracterização de feruloil esterases de Aspergillus clavatus

Processo: 09/17956-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2010
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Fábio Márcio Squina
Beneficiário:Cleiton Márcio Pinto Braga
Instituição-sede: Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS). Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Enzimas   Aspergillus   Ácido ferúlico   Proteínas recombinantes

Resumo

A biomassa vegetal tem como principais componentes os polissacarídeos de celulose, hemicelulose e pectina. A lignina, um composto aromático orgânico, envolve todos os polissacarídeos e constituintes da parede celular de plantas. Os componentes da parede celular estão arranjados de uma maneira tal que, além de serem essenciais à sustentação da planta como um todo, impõem uma barreira física muito eficiente para o vegetal se proteger contra o espólio de microrganismos. Os polissacarídeos presentes na fração hemicelulósica apresentam cadeias laterais que podem ser substituições ou mesmo ligações transversais, dos quais os grupos feruloil participam destas ramificações na cadeia de polissacarídeo. Estes compostos não somente influenciam nas propriedades da parede celular, de modo que reforçam sua integridade e resistência física, como também dificultam o acesso das hidrolases de polissacarídeos. Sendo assim, as enzimas feruloil esterases (FAEs) são peças fundamentais, não somente para o aproveitamento da biomassa vegetal, como também para geração de uma série de produtos com interesse biotecnológico. Isto porque, tais enzimas despertam interesse tanto no que concerne a sua atividade de esterase quanto ao produto liberado, o ácido ferúlico. Estas enzimas podem ser empregadas na produção de bioetanol combustível, na indústria de papel e celulose, no aproveitamento de resíduos lignocelulósicos e também na elucidação da intricada estrutura que compõe a parede celular de diversas plantas. Em relação à liberação de ácido ferúlico, essas enzimas podem agregar valor a diversos materiais, visto que o ácido ferúlico pode servir, por exemplo, de: conservante alimentar, precursor da vanilina (aromatizante), componente de formulações terapêuticas, antioxidante em cosméticos. Em vista deste grupo de enzimas apresentar um amplo espectro de aplicação, objetiva-se, com esse trabalho, a amplificação, clonagem e expressão de genes de feruloil esterases a partir do fungo Aspergillus clavatus, assim como a caracterização bioquímica destas enzimas expressas por sistema heterólogo, quanto à caracterização atividade de esterase, determinação de pH ótimo, temperatura ótima, estabilidade em pH e estabilidade térmica.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DAMASIO, ANDRE R. L.; PINTO BRAGA, CLEITON MARCIO; BRENELLI, LIVIA B.; CITADINI, ANA PAULA; MANDELLI, FERNANDA; COTA, JUNIO; DE ALMEIDA, RODRIGO FERREIRA; SALVADOR, VICTOR HUGO; ALVAREDO PAIXAO, DOUGLAS ANTONIO; SEGATO, FERNANDO; MERCADANTE, ADRIANA ZERLOTTI; DE OLIVEIRA NETO, MARIO; DO SANTOS, WANDERLEY DANTAS; SQUINA, FABIO M. Biomass-to-bio-products application of feruloyl esterase from Aspergillus clavatus. Applied Microbiology and Biotechnology, v. 97, n. 15, p. 6759-6767, AUG 2013. Citações Web of Science: 34.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.