Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização de germoplasma de Brachiaria humidicola utilizando marcadores moleculares do tipo microssatélites

Processo: 07/51467-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Anete Pereira de Souza
Beneficiário:Bianca Baccili Zanotto Vigna
Instituição-sede: Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Brachiaria   Repetições de microssatélites   Diversidade genética   Marcador molecular

Resumo

O Brasil tornou-se nos últimos anos um dos maiores exportadores de carne in natura no mundo, e o fato de ter sua pecuária bovina baseada principalmente na utilização de pastagens de forrageiras com alto valor nutricional para alimentação do rebanho, muito contribuiu para esta projeção. Dentre as várias opções de forrageiras tropicais, há o predomínio das gramíneas, principalmente algumas espécies do gênero Brachiaria originárias do leste da África, que dominam o mercado forrageiro no país. Brachiaria humidicola apresenta diversas características de interesse agronômico e está incluída no programa de melhoramento de forrageiras tropicais da Embrapa Gado de Corte - Campo Grande/MS, cujo banco ativo de germoplasma (BAG) conta com 58 acessos. Apesar de grande parte destes acessos (42) ter sido caracterizada morfologicamente, nenhuma caracterização do polimorfismo existente ao nível de DNA foi realizada até o momento para esta espécie. O presente projeto visa a caracterização da diversidade genética existente em B. humidicola, utilizando marcadores microssatélites específicos desenvolvidos pelo nosso grupo de pesquisa. Serão avaliados os 58 acessos de B. humidicola pertencentes ao BAG da Embrapa Gado de Corte, utilizando-se 20 locos de microssatélites. A caracterização molecular do material mencionado permitirá que seja realizada uma comparação do agrupamento obtido com o agrupamento gerado com dados morfológicos, a fim de que a diversidade do material seja mais bem entendida. A expectativa é de que os resultados alcançados sejam diretamente incorporados ao programa de melhoramento de Brachiaria spp. da Embrapa. (AU)