Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização molecular e estrutural de proteínas relacionadas à patogenicidade de Xylella fastidiosa

Processo: 02/01316-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2002
Vigência (Término): 31 de maio de 2006
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Anete Pereira de Souza
Beneficiário:Susely Ferraz de Siqueira Tada
Instituição-sede: Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil

Resumo

A bactéria Xylella fastidiosa é o agente causador de diversas doenças em plantas, incluindo a Clorose Variegada dos Citros (CVC), a qual vem prejudicando consideravelmente a citricultura nacional. Isto ocorre porque ainda não existe um método definitivo de combate ao patógeno, sendo possíveis apenas algumas medidas paliativas de controle. A Xylella fastidiosa foi a primeira bactéria patogênica de plantas a ter seu genoma completamente seqüenciado, sendo que ela possui uma grande importância econômica e biológica no Brasil. De posse dos dados gerados pelo seqüenciamento, tornou-se possível estudar os mecanismos relacionados à sua patogenicidade através da análise de proteínas envolvidas nos processos de interação bactéria-planta. O presente projeto objetiva estudar proteínas relacionadas à patogenicidade e adaptação de X. fastidiosa, inicialmente, através de sua expressão "in vitro" e purificação. Os resultados obtidos fornecerão conhecimento para que seja possível analisar-se a estrutura tridimensional destas proteínas. O conhecimento da estrutura protéica possibilitará a criação de novas abordagens de manipulação genética que alterem a conformação nativa destas proteínas e, então, tornará os métodos de combate ao patógeno mais diretos e eficientes, o que dará um novo impulso na produção e comercialização de citros. (AU)