Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do beneficio da amplificacao sonora em pacientes com zona morta da coclea.

Processo: 05/54686-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2005
Vigência (Término): 31 de outubro de 2006
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Maria Cecilia Martinelli
Beneficiário:Gisele dos Anjos Passareli
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Audiologia   Auxiliares de audição   Inquéritos e questionários   Doenças cocleares   Audiometria da fala

Resumo

Pretende-se verificar se pacientes com zonas mortas protetizados há seis semanas ou mais, adaptaram-se e tem benefício com o uso de prótese auditiva. Para isto, serão utilizados: - O teste de reconhecimento de fala (IPRF) que avalia o reconhecimento de monossllabos; - O questionário IOI -HA, que verifica o uso, o benefício, a qualidade de vida, a satisfação, a limitação residual da atividade, restrição residual da participação e impacto nos outros. - E o Limiar de Reconhecimento de Sentenças no Silêncio (LRSS). Instrumento esse que Simula situações semelhantes às que serão experimentadas pelo indivíduo em suas atividades diárias. O estudo será realizado com 10 pacientes ou mais do HSP que estão protetizados no mínimo há seis semanas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)