Busca avançada
Ano de início
Entree

Valores normais e inibições in vitro das colinesterases plasmática e cerebral de aves silvestres brasileiras e de codornas (Coturnix coturnix japonica)

Processo: 96/00009-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 1996
Vigência (Término): 31 de dezembro de 1996
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Jose Luiz Catao Dias
Beneficiário:Sady Alexis Chavauty Valdes
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Acetilcolina   Colinesterases   Aves silvestres   Codornas

Resumo

Os praguicidas organofosforados são muito utilizados na agropecuária brasileira, podendo trazer efeitos deletérios a fauna silvestre nativa de fronteiras agrícolas, em decorrência da inibição da atividade da acetilcolinesterase nos terminais nervosos. No experimento serão estabelecidos valores normais e inibições "in vitro" da atividade das colinesterases plasmática e cerebral de aves silvestres e de codornas, que servirão como um grupo homogêneo para comparação com as aves silvestres. Com isso será elaborado um banco de dados para o estabelecimento de diagnósticos de contaminações e intoxicações de aves silvestres de vida livre por diferentes organofosforados. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: