Busca avançada
Ano de início
Entree

Listeriolisina o (llo) como adjuvante de vacinas baseadas em bacillus subtillis como veiculo de antigenos heterologos.

Processo: 05/60622-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2006
Vigência (Término): 30 de novembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Luis Carlos de Souza Ferreira
Beneficiário:Renata Damásio de Souza
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Bacillus subtilis   Vacinas

Resumo

A listeriolísina O (LLO) é uma citolisina tiol-ativada, com importante papel na virulência de Listeria monocytogenes ao promover a ruptura do fagolissoma de células fagociticas e liberação da bactéria no citoplasma das células infectadas. Dados experimentais indicam que a LLO pode atuar como imunomodulador para respostas imunológicas induzidas contra proteínas sintetizadas in vivo por vetores vivos ou vacinas de DNA. O presente projeto propõe a investigação das propriedades imunomoduladoras da LLO quando co-expressa por linhagens recombinanies de Bacillus subtilis empregadas como vetores de antígenos de interesse vacinal. Para isto foram construídos plasmídeos de expressão que permitem a co-produção de LLO e, como antígeno alvo, a subunidade B da toxina termo-lábel (LTB) produzida por algumas linhagens de Escherichia coli enterotoxigênica, um importante agente etiológico da diarréia infantil e diarréia dos viajantes. Serão testadas as propriedades adjuvantes de LLO quando secretada para o meio extracelular por linhagens de B. subtilis. Amostras de células vegetativas e esporos serão administradas por via oral ou parenteral a camundongos e as respostas de anticorpos (isotipos e subclasses) sistêmicos (IgG) e secretados (IgA) anti-LTB serão medidas em soro e fezes dos animais vacinados. Os resultados a serem obtidos devem contribuir para o emprego de linhagens recombinantes de B. subtilis como vetores vacinais de administração oral. (AU)