Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos de efeitos ressonantes na estabilidade de satélites de asteroides

Processo: 08/00953-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2008
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astronomia do Sistema Solar
Pesquisador responsável:Othon Cabo Winter
Beneficiário:Luiz Augusto Guimarães Boldrin
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEG). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Guaratinguetá. Guaratinguetá , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/04997-6 - Encontros próximos em dinâmica orbital, AP.TEM
Assunto(s):Mecânica celeste   Estabilidade   Asteroides   Satélites

Resumo

A partir do segundo semestre de 2006, o candidato a bolsa começou a estudar a dinâmica do sistema triplo Sylvia-Rômulo-Remo. Os resultados mostraram que para ocorrer a estabilidade dos satélites é imprescindível o efeito produzido pelo achatamento de Sylvia. Nas simulações para o problema de 5-corpos sem J2, verificou-se que depois de mais de 1,30 milhões de períodos orbitais os satélites colidem com Sylvia. A evolução orbital mostrou um crescimento na excentricidade em função da alta inclinação, o que caracteriza o comportamento devido à ressonância de Kozai. Verificamos também que efeitos de acoplamento geraram amplificações das perturbações. O que indicam prováveis efeitos ressonantes, como ressonâncias seculares e, em particular, ressonância do tipo evecção. Assim sendo, a compreensão de efeitos ressonantes são muito relevantes no estudo da dinâmica destes tipos de sistemas. Deste modo, consideramos importante que o estudante se dedique ao aprendizado deste fenômeno. Os objetivos deste projeto de iniciação científica envolvem os seguintes aspectos: a) a aprendizagem do desenvolvimento da função perturbadora e a identificação de termos ressonantes; b) a familiarização do aluno com conceitos básicos envolvendo os efeitos dos tipos de ressonância envolvidos no problema em questão. A metodologia a ser adotada se baseia numa abordagem analítica, onde o aluno desenvolverá a função perturbadora, identificará termos ressonantes e estudará os efeitos de algumas ressonâncias. Isto envolverá o estudo e a aprendizagem de modelos clássicos, encontrados na literatura, para cada tipo de ressonância.