Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise morfométrica comparativa da capacidade indutora de matriz óssea alogênica de origem intramembranosa e endocondral em músculos da coxa de ratos

Processo: 03/06093-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2003
Vigência (Término): 31 de agosto de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Histologia
Pesquisador responsável:Rumio Taga
Beneficiário:Janete Chung
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Morfometria   Ratos   Ossificação endocondral

Resumo

No presente estudo, pretendemos caracterizar através da análise morfométrica as diferenças na cascata de eventos e no potencial indutor da matriz óssea desmineralizada alogênica de origem intramembranosa e endocondral quando implantada no perimísio do músculo abdutor da coxa de ratos. Para tanto, serão retirados os ossos parietais e frontais e os fêmures de 18 ratos, os quais, serão processados para obtenção das matrizes ósseas a serem implantadas entre as fáscias musculares de 48 animais. Os animais serão sacrificados em grupos de 6, ao término dos períodos de 7,14,21 e 28 dias após a implantação, por dose excessiva de anestésico. Os implantes juntamente com os tecidos adjacentes que o revestem serão coletados, submetidos ao processo de fixação em formol a 10% em tampão fosfato durante uma semana, radiografados e processados histologicamente. De posse dos resultados avaliaremos: a) radiograficamente o período de formação inicial de tecido ósseo; b) morfológica e morfometricamente a seqüência temporal dos eventos celulares e teciduais; c) morfometricamente a velocidade de reabsorção da matriz enxertada e de formação de tecido ósseo e/ou cartilaginoso; e d) estimaremos o potencial indutor de cada matriz pela quantidade final de tecido ósseo formado em cada caso. (AU)