Busca avançada
Ano de início
Entree

Acessibilidade e sinalização urbana no município de Presidente Prudente - SP: estudo de caso no Parque do Povo.

Processo: 09/14672-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2010
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Carolina Lotufo Bueno Bartholomei
Beneficiário:Munique Cunha Mascaro
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Desenho universal   Presidente Prudente (SP)   Ergonomia   Acessibilidade

Resumo

Presidente Prudente (SP) é um município caracterizado por priorizar a circulação de veículos automotores em seu sistema viário, isso acarretou na grande quantidade de sinalização voltada somente a esse tipo de usuário, motoristas, resultando no descaso com os acessos para pedestres em passeios públicos. Ao priorizar esse segmento da população, grande parte dos espaços públicos abertos é prejudicada por excesso de fluxo de veículos, dificultando a acessibilidade de pedestres ao transitarem nesses lugares, como é o caso do Parque do Povo. Este espaço público é seccionado por três grandes avenidas da cidade: Av. Manuel Goulart, Av. Cel. José Soares Marcondes e Av. Brasil, além de ser delimitado espacialmente pelas Avenidas Quatorze de Setembro e Onze de Maio. O Parque do Povo é uma intervenção em fundo de vale, destinada ao lazer e ao esporte da população, porém, esse lugar tem sua continuidade espacial segmentada por vias de fluxo intenso, que o limitam em setores com características de usos diferenciados, não permitindo muitas vezes a transição dos pedestres de um setor para o outro. Portanto, esta pesquisa propõe um estudo sobre a acessibilidade e a sinalização urbana no município de Presidente Prudente analisando o caso do Parque do Povo, visando examinar e compreender a percepção e conforto dos usuários quanto às condições dos passeios, equipamentos públicos urbanos e sinalização, utilizando como parâmetro a norma brasileira de acessibilidade (NBR 9050:2004), os conceitos do desenho universal, o código brasileiro de trânsito e manuais de sinalização. A partir dos dados coletados serão elaborados um diagnóstico do local e recomendações para a adequação do Parque do Povo às normas e leis em vigor atualmente.