Busca avançada
Ano de início
Entree

Utilização dos critérios ICDAS II clínicos e radiográficos na detecção da lesão de cárie oclusal: efetividade e reprodutibilidade

Processo: 09/09643-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Odontopediatria
Pesquisador responsável:Rita de Cássia Loiola Cordeiro
Beneficiário:Plínio Sciasci
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Cárie oclusal   Cárie dentária   Diagnóstico bucal   Radiografia dentária

Resumo

Objetivo: Avaliar a performance dos métodos visual (ICDAS-II) e radiográfico (RX) para a detecção da lesão de carie oclusal. Material e métodos: serão selecionados 120 molares e pré-molares humanos apresentando faces oclusais com sinais sugestivos de lesões de carie, como manchas brancas, pigmentações e microcavidades. Esses dentes terão suas faces oclusais fotografadas e sobre as fotografias serão selecionados os sítios de estudo. Serão realizadas radiografias padronizadas dos dentes, utilizando filme Ekataspeed Plus tamanho 1 e aparelho de RX Gnatus XR6010 (60kvp/10mA/0.5seg). Os filmes serão montados em cartelas especiais. Dois estudantes de Odontologia analisarão todos os dentes, duas vezes, com uma semana de intervalo cada exame, atribuindo escores para os critérios ICDAS II (0 -6), e radiográficos (0 - 3). O Padrão ouro será obtido pela análise histológica dos sítios sob lupa estereoscópica e as lesões classificadas de acordo com Ekstrand et al 1997 (0 - 5). Será obtida a reprodutibilidade inter e intra-examinadores e a efetividade dos exames visual (ICDAS II) e radiográfico para a detecção da lesão de carie oclusal. (AU)