Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise do estado epigenético do gene Maoa em placenta humana a termo

Processo: 10/05378-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2010
Vigência (Término): 31 de maio de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Lygia da Veiga Pereira
Beneficiário:Fernando Galati Sábio
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Placenta   Inativação do cromossomo X   Epigênese genética   Imprinting genômico

Resumo

O estudo dos fenômenos epigenéticos tem revelado novos e intrigantes mecanismos de regulação gênica. Na inativação do cromossomo X (ICX), um dos dois cromossomos X das fêmeas de mamíferos é silenciado transcricionalmente, resultando em um mecanismo de compensação de dose. No imprinting genômico, apenas um alelo é expresso dependendo de sua origem parental. Tal mecanismo resultaria de uma disputa entre o genoma paterno e materno sobre os recursos destinados à prole, sendo os tecidos extra-embrionários um órgão alvo de sua ação.Um fenômeno epigenético pouco estudado é o imprinting genômico em genes localizados no cromossomo X. Nesse fenômeno a expressão gênica seria regulada de acordo com a origem parental e pelos mecanismos da ICX. Os genes "imprintados" poderiam então ser silenciados ou escapar da inativação, possuir ou não homólogos funcionais no cromossomo Y, estando ou não submetidos ao mecanismo de compensação de dose.Em nosso laboratório, ao analisar a expressão gênica alelo específica de genes do cromossomo X, identificou-se que na placenta humana a termo o padrão de ICX é aleatório. Porém, o gene MAOA era expresso sempre a partir de um mesmo alelo, sugerindo imprinting genômico. Assim, o presente projeto pretende analisar mais detalhadamente o padrão de expressão gênica de MAOA em placenta humana. Caso a regulação de expressão deste gene seja dependente de origem parental, será o primeiro gene humano a sofrer imprinting genômico descrito no cromossomo X.