Busca avançada
Ano de início
Entree

Distribuição do peso ao nascer e audição em indivíduos com fissura labiopalatina

Processo: 03/12797-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2004
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Mariza Ribeiro Feniman
Beneficiário:Narima Makhoul Gonçalves
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Crianças   Fenda labial   Fissura palatina   Perda auditiva

Resumo

Com base na literatura científica, indivíduos portadores de fissuras labiopalatinas são considerados de alto risco sob o aspecto auditivo. Outro aspecto relatado é de que existe uma maior ocorrência de casos de fissura labiopalatinas em crianças nascidas com baixo peso, que por sua vez é um indicador de risco para a presença de perda auditiva. Desta forma, o presente estudo tem por objetivos verificar a distribuição de peso da população com fissura labiopalatina, analisar a avaliação audiológica nela realizada e associar o resultado da análise audiológica ao peso encontrado. Para este fim, deverão ser analisados 3000 prontuários de pacientes portadores desta anomalia craniofacial, regularmente matriculados no Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais - HRAC/USP. (AU)