Busca avançada
Ano de início
Entree

Filogenia molecular do gênero Ischnocnema Reinhardt and Lütken, 1862 (Anura, Brachycephalidae)

Processo: 08/54454-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2008
Vigência (Término): 31 de outubro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Célio Fernando Baptista Haddad
Beneficiário:Clarissa Coimbra Canedo
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/50928-1 - Especiação de anfíbios anuros em ambientes de altitude, AP.TEM
Assunto(s):Filogenia   Anura   Brachycephalidae   Ischnocnema   Sistemática

Resumo

O gênero Ischnocnema Reinhardt and Lütken (1862) foi recentemente revalidado, passando a incluir a maioria das espécies distribuídas no Leste do Brasil que anteriormente estavam alocadas a Eleutherodactylus. Embora o clado Ischnocnema tenha sido bem suportado, a pequena amostragem do gênero nas análises prejudicou a delimitação precisa de sua composição. As espécies atualmente pertencentes a este gênero encontravam-se anteriormente organizadas em grupos genéticos, porém, a amostragem limitada nas análises filogenéticas também impossibilita as discussões acerca de clados infragenéricos, impedindo qualquer conclusão sobre os grupos de espécies. Até o momento, portanto, não há proposta filogenética ampla acerca da composição e do relacionamento interno de Ischnocnema, e mesmo sua monofilia deve ser verificada a partir da ampliação do número de espécies incluído na análise. A delimitação mais precisa do gênero e o conhecimento do relacionamento entre suas espécies permitirá verificar a aplicabilidade dos grupos genéticos tradicionalmente propostos para organizar estas espécies e fornecerá informações relevantes para estudos posteriores, principalmente aqueles com enfoque taxonômico, biogeográfico e evolutivo. (AU)