Busca avançada
Ano de início
Entree

Utilização de microssatélites no estudo populacional de Anopheles Darlingi

Processo: 02/00596-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2002
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2003
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores
Pesquisador responsável:Paulo Eduardo Martins Ribolla
Beneficiário:Aline Fernandes Angella
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:01/06647-9 - Aspectos moleculares na interação entre mosquito e plasmódios, AP.JP
Assunto(s):Genética populacional   Anopheles darlingi   Repetições de microssatélites   Epidemiologia   Malária

Resumo

Anopheles darlingi é o principal vetor de malária no Brasil e outros países da América do Sul. Sua distribuição na Região Amazônica é ampla e dados recentes mostram alto grau de heterogeneidade, tanto genética como de hábito. Esta heterogeneidade pode estar relacionada também com diferenças na capacidade vetorial deste mosquito, o que levanta um ponto muito importante na área de epidemiologia. Apesar de alguns trabalhos serem realizados na caracterização de marcadores moleculares, até o momento não foi possível estabelecer claramente diferentes populações. Este projeto visa a utilização de um novo marcador, os microssatélites, para a caracterização populacional de Anopheles dadingi em uma comunidade ribeirinha de Rondônia, Portuchuelo. Dez diferentes microssatélites serão utilizados para a tipagem molecular de mosquitos coletados durante um período de 12 horas (das 18:00 às 06:00) em duas partes diferentes da comunidade de Portuchuelo, dentro e for a das casas. O intuito é estabelecer alguma relação entre o hábito e distribuição destes mosquitos e diferentes populações. (AU)