Busca avançada
Ano de início
Entree

Auxílio a projeto para redução de impactos ambientais de edifícios: biblioteca de estratégias aplicáveis e de tecnologias disponíveis no Brasil

Processo: 08/03682-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2008
Vigência (Término): 31 de agosto de 2009
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Vanessa Gomes da Silva
Beneficiário:Cássia Bartsch Nagle
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo (FEC). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Projeto de arquitetura   Impactos ambientais   Sustentabilidade   Indústria da construção

Resumo

A indústria da construção - particularmente a construção, operação e demolição de edifícios -provavelmente representam a atividade humana com maior impacto sobre o meio ambiente. Pesquisas visando reduzir os impactos ambientais de edifícios receberam investimento crescente ao longo da última década. A definição de estratégias para minimização do uso de recursos não renováveis, economia de energia e redução de resíduos de construção, em especial, foram amplamente estimulados por agências governamentais, instituições de pesquisa e pelo setor privado de diversos países. A discussão ganhou vulto recentemente, e os profissionais e estudantes ainda não possuem devido acesso às novas informações. O curriculum demora a absorver as mudanças, e portanto, os estudantes ainda não possuem acesso direto e aprofundado sobre estas questões. Ademais, os já formados necessitam ter uma fonte direta e prática de informações atuais. Portanto, o objetivo desta iniciação científica é reunir e publicar on-line um conjunto de diretrizes de projeto e de alternativas tecnológicas que podem contribuir para a redução do impacto ambiental de edifícios, inserindo-se no esforço de preencher a lacuna entre a teoria e a prática profissional e prover meios de informação aos projetistas. Será dada ênfase na inserção do estado de conhecimento e dos avanços tecnológicos relativos aos últimos cinco anos. Complementarmente, será feito o levantamento das alternativas tecnológicas disponíveis para utilização imediata no país, posicionando-as em relação às alternativas disponíveis no exterior. Com isto, espera-se criar instrumentos para auxílio de profissionais comprometidos com questões ambientais em suas tomadas de decisões ao longo de seus processos projetuais. (AU)