Busca avançada
Ano de início
Entree

Schoenberg em adorno: a racionalizacao musical no seculo xx.

Processo: 06/57887-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2007
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2009
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Música
Pesquisador responsável:Silvio Ferraz Mello Filho
Beneficiário:Enrique Valarelli Menezes
Instituição-sede: Instituto de Artes (IA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Modernidade   Theodor W. Adorno   Racionalização

Resumo

Este projeto pretende compreender e comentar a relação que o filósofo e compositor Theodor W. Adorno estabeleceu entre a filosofia e as novas formas de composição musical surgidas na primeira metade do século XX. Para tanto, a pesquisa pretende analisar uma composição em particular para orientar-se, estudando como se dá a relação entre essa obra e seus desdobramentos posteriores. A obra Sinfonia de Câmara op.9 de Arnold Schoenberg (1906) parece apropriada, por ser uma das obras-limite de um compositor fundamental na reflexão adomiana. Também consideramos a alta e reconhecida influência deste compositor sobre os paradigmas de toda a nova música, tendo sido caudatário direto ou indireto de grande parte da reflexão sobre o tratamento do material musical no início do século XX. Outras obras do período pré-dodecafônico de A. Schoenberg serão comparadas com a Op.9 para melhor situa-la. Para tanto, serão analisadas também composições dos Opus 2,11,16 e 19. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)