Busca avançada
Ano de início
Entree

Mídia, mito e magia na cultura brasileira contemporânea

Processo: 04/11772-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2006
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Jose Mario Ortiz Ramos
Beneficiário:Andrea Baltazar
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Cultura popular   Mídia eletrônica   Telenovela   Pensamento mágico   Religiões

Resumo

Este projeto de estudos de pós-doutorado cogita a possibilidade de que a mídia eletrônica tenha assumido o papel simbólico referencial marcante que demonstra durante os últimos cinqüenta anos, seja na cultura brasileira seja em âmbito mais global, na vida sócio-cultural das populações contemporâneas, principalmente devido a sua tendência em assumir papéis semelhantes àqueles dos quais se ocupam usualmente as grandes tradições simbólicas da cultura - ou pelo menos por sua inclinação em causar tal expectativa. Papéis esses semelhantes aos das grandes tradições culturais míticas e de suas narrativas derivadas, cujo objetivo central é religar o ser humano ao que lhe transcende, ou seja, o objetivo das religiões. Em pesquisa anterior concluiu-se que a televisão e o catolicismo ocupam um locus similar na organização simbólica das camadas médias e populares da sociedade brasileira (quer urbanas quer de pequenas cidades do interior ou ainda de populações rurais). Lugar cultural este revelado seja pela análise de cultura material doméstica seja pela observação da sócio-estrutura da sala de estar, copa ou cozinha (onde geralmente se localiza o aparelho de TV). Em contigüidade, nestes espaços da casa, ou em paralelo no mundo das representações, as imagens da telenovela e as imagens sagradas dos santos-mártires católicos e outros símbolos sagrados povoam a vida simbólico-emocional do grande público televisivo, ligando-o e religando-o ao... (AU)