Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigando gravitação quântica através de midi-superespaços

Processo: 01/01131-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2001
Vigência (Término): 31 de julho de 2002
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Paulo Teotonio Sobrinho
Beneficiário:Monica Pierri-Galvao
Instituição-sede: Instituto de Física (IF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Gravitação quântica   Relatividade geral   Formalismo quântico

Resumo

A quantização da relatividade geral é dificultada pelo fato da teoria ser invariante por difeomorfismo e, ao mesmo tempo, ter um número infinito de graus de liberdade. Para compreender melhor este problema, vamos considerar dois modelos que compartilham das mesmas dificuldades. Eles são obtidos através de reduções de simetria da relatividade geral no vácuo em 3+1 dimensões. O primeiro modelo contém dois vetores de Killing do tipo espaço hypersurface ortogonal e o segundo dois vetores de. Killing que não são necessariamente hypersurface ortogonal. No primeiro caso vamos traduzir a teoria quântica, obtida anteriormente por Ashtekar e Pierri, para as variáveis de Ashtekar e investigaremos também a representação de loop. Para o segundo modelo construiremos o formalismo Hamiltoniano baseado em uma generalização da descrição adotada por Ashtekar e Pierri para o primeiro modelo referido acima. Finalmente, utilizaremos estes dois midi-superespaços para investigar vários problemas técnicos e conceituais da teoria quântica da relatividade geral. (AU)