Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da infecção experimental pelo Encephalitozoon cuniculi em Camundongos Balb-c imunosuprimidos com dexametasona

Processo: 99/10688-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2000
Vigência (Término): 31 de março de 2001
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Maria Anete Lallo
Beneficiário:Mauricio Jose dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Ciências da Saúde (ICS). Universidade Paulista (UNIP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Infecções oportunistas   Protozoa   Medicina preventiva   Zoonoses

Resumo

A infecção pelo E. cuniculi, obtida naturalmente ou experimentalmente induzida através de modelos animais, pode servir como base para um entendimento ainda maior da Encephalitozoonose no ser humano. O objetivo deste trabalho é avaliar o curso da infecção experimental pelo Encephalitozoon cuniculi em camundongos Balb-C imunossuprimidos com diferentes doses do glicocorticóide dexametasona (9-alfa-fluoro-16-alfa-metilprednisolona), a fim de se determinar um modelo experimental que mimetize com maior similaridade a infecção em camundongos geneticamente imunocomprometidos. Uma vez que a infecção pôde ser reproduzida com sucesso em animais imunossuprimidos com ciclofosfamida, o presente trabalho objetivo avaliar a obtenção de um modelo experimental utilizando-se a dexametasona, que por tratar-se de uma droga de custo mais baixo comercialmente e de fácil manipulação, pode vir a tornar os modelos utilizados futuramente nesta linha de pesquisa mais acessíveis para um número maior de instituições. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARIA ANETE LALLO; MAURÍCIO JOSÉ DOS SANTOS; EDUARDO FERNANDES BONDAN. Infecção experimental pelo Encephalitozoon cuniculi em camundongos imunossuprimidos com dexametasona. Revista de Saúde Pública, v. 36, n. 5, p. 621-626, Out. 2002.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.