Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo retrospectivo de biopsias endomiocardicas de pacientes com diferentes formas clinicas d. chagas e cardiomiopatia dilatada idiopatica: pesquisa de "m. pneumoniae" e "c. pneumoniae" pela ...

Processo: 02/09276-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2002
Vigência (Término): 30 de novembro de 2004
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Maria de Lourdes Higuchi
Beneficiário:Flavio Masato Kawamoto
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Doença de Chagas   Cardiomiopatias   Hibridização in situ

Resumo

Os microorganismos Chlamidia pneumoniae e Mycoplasma pneumoniae têm sido apontados como tendo um importante papel em doenças crônicas, por exemplo nas placas ateroscleróticas agindo sinergicamente produzem inflamação crônica, o qual é responsável pela instabilidade da placa. Ao mesmo tempo observou-se que existe diferenças no padrão estrutural do miocárdio de pacientes que faleceram por insuficiência cardíaca pela cardiomiopatia dilatada idiopática (CMDI) dos com doença de Chagas. No entanto as causas que levam à dilatação cardíaca e padrões arquiteturais distintos são obscuros. Esse projeto visa estabelecer através de análises pela hibridização in situ e pela imunohistoquímica para pesquisa do M. pneumoniae e C. pneumoniae no microscópio óptico comum se há diferença no que tange na quantidade e localização desses microorganismos nos fragmentos de biópsias endomiocárdicas de pacientes com diferentes formas clínicas de doença de Chagas e Cardiomiopatia dilatada idiopática. Ao mesmo tempo visando concretizar a hipótese de que a indução de inflamação por esses microorganismos agem em caminhos distintos na gênese da dilatação cardíaca e conseqüentemente necessita-se uma de terapias diferentes para cada doença. (AU)