Busca avançada
Ano de início
Entree

Equilíbrio de fases do sistema reacional de glicerólise

Processo: 06/03545-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2006
Vigência (Término): 30 de setembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Engenharia de Alimentos
Pesquisador responsável:Antonio José de Almeida Meirelles
Beneficiário:Luciana Tiemi Tanaka
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Equilíbrio de fases   Óleo de soja

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo investigar o comportamento de fases líquido-líquido para o sistema reacional de glicerólise, para produção de monoacilgliceróis, composto pelo sistema ternário óleo de soja refinado + glicerol + solvente orgânico.Em uma primeira etapa, serão testados solventes orgânicos de interesse para a reação através da determinação de alguns pontos nas curvas de solubilidade (curvas binodais) para o sistema ternário. O objetivo desta etapa é selecionar dois solventes orgânicos de acordo com os resultados das curvas binodais que apresentarem comportamento e solubilidade adequados. Em uma segunda etapa, serão determinadas curvas binodais completas por titulação para o sistema I, composto por óleo de soja + glicerol + solvente, e para o sistema II, composto por óleo de soja + mistura de etanol anidro e glicerol + solvente. Este último tipo de sistema contendo mistura de etanol e glicerol permite investigar o uso de solventes em dois tipos de reação: a etanólise (para a produção de etil éster, isto é, biodiesel) e a glicerólise (para a produção de monoacilglicerol). A glicerólise representa uma ótima alternativa para o consumo do glicerol, evitando a oferta excessiva deste produto no mercado, em função do aumento da produção de biodiesel, resultando em dois produtos de excelente utilidade e interesse em suas aplicações. Os solventes selecionados na primeira etapa do presente trabalho serão utilizados para ambos os sistemas. O objetivo desta etapa é selecionar dois sistemas – um para cada tipo de sistema I e II – de acordo com as curvas binodais que apresentarem comportamento e solubilidade adequados. Em uma terceira etapa, os dois sistemas selecionados na etapa anterior serão considerados e a determinação de dados experimentais de equilíbrio líquido-líquido será realizada, obtendo-se, além da curva binodal, as linhas de amarração. Nesta etapa, são necessárias técnicas mais apuradas para a determinação qualitativa e quantitativa das composições dos componentes em cada fase.