Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da adicao de oleos vegetais na dieta de poedeiras sobre a qualidade de ovos durante o armazenamento

Processo: 09/51947-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2009
Vigência (Término): 31 de julho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Pesquisador responsável:Edivaldo Antônio Garcia
Beneficiário:Jessica Conteçote Russo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Óleos vegetais   Qualidade dos ovos

Resumo

O experimento terá duração de 35 dias e objetiva avaliar a influência da combinação de diferentes fontes lipídicas vegetais em diferentes níveis sobre a qualidade interna e externa de ovos de poedeiras comerciais quando armazenados em temperatura ambiente controlada por diferentes períodos de tempo. As características avaliadas serão: peso e gravidade específica dos ovos, espessura da casca, resistência à quebra, percentagens de casca, albúmen e gema, Unidades Haugh, altura e pH do albúmen, coloração, índice e altura de gema. Serão utilizados 300 ovos de poedeiras comerciais leves, em um delineamento experimental inteiramente ao acaso com medidas repetidas no tempo, com 10 rações contendo diferentes inclusões lipídicas e 5 tempos de armazenamento em temperatura ambiente controlada, com 6 repetições por tratamento: T1- Controle; T2- inclusão de 2,5% de óleo de linhaça na dieta; T3- inclusão de 2,5% de óleo de canola na dieta; T4- inclusão de 2,5% de óleo de soja na dieta; T5- inclusão de 5% de óleo de linhaça na dieta; T6- inclusão de 5% de óleo de canola na dieta; T7- inclusão de 5% de óleo de soja na dieta; T8- inclusão de 2,5% de óleo de linhaça+ 2,5% de óleo de soja na dieta; T9- inclusão de 2,5% de óleo de canola+ 2,5% de óleo de soja na dieta e T10- inclusão de 2,5% de óleo de linhaça 2,5% de óleo de canola na dieta. Os tempos de armazenamento utilizados serão de 7,14, 21, 28 e 35 dias. As rações serão formuladas de acordo com os padrões do NRC (1994). A análise estatística dos resultados será realizada com o auxílio do pacote Computacional Statistical Analysis System (SAS, 1998). (AU)