Busca avançada
Ano de início
Entree

Preparação e caracterização de materiais carbonosos ativados a partir de fibras naturais

Processo: 09/53529-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Aparecido dos Reis Coutinho
Beneficiário:Lucas Rafael Andrietta
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia, Arquitetura e Urbanismo. Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP). Instituto Educacional Piracicabano. Santa Bárbara D'Oeste , SP, Brasil
Assunto(s):Porosidade   Sisal   Juta   Fibras naturais   Carvão ativado

Resumo

O presente projeto de iniciação científica visa a preparação e caracterização de materiais carbonosos ativados (MCA) a partir de fibras naturais: as fibras de sisal e de juta, que apresentam cadeia polimérica com alto teor de carbono, estão disponíveis no mercado nacional, e são de fontes renováveis. Os MCA serão preparados mediante tratamentos da matéria prima, por meio de ativação física em atmosfera oxidante, e k serão denominados: "fibras de carbono naturais ativadas (FCNA)". As atividades consistirão em uma primeira etapa na montagem do "sistema de ativação", que será composto por: câmara de ativação, sistema de vácuo, sistema de injeção de gases inerte e oxidante, sistema de programação e controle de temperatura, sistema mecânico de posicionamento e movimentação das fibras naturais. A segunda etapa consistirá propriamente nos trabalhos de preparação/ativação física das fibras de carbono naturais. A conversão das matérias primas em FCNA, exigirá um controle aprimorado da matéria-prima e do processo de ativação, e para a etapa de caracterização serão utilizadas técnicas macroscópicas sensíveis às estruturas moleculares, como: análise imediata, análise elementar e massa específica. Entretanto, os delicados arranjos microscópicos dos precursores e sua evolução durante tratamentos, exigirão a utilização de técnicas de caracterização específicas, tais como: microscopia eletrônica de varredura, difração de raios-x, determinação sistemática da porosidade, distribuição e tamanhos de poros e, principalmente, a determinação da área superficial específica. O projeto contará com a colaboração de pesquisadores da própria UNIMEP, e de 5, pesquisadores de outras Instituições, tendo seu caráter multidisciplinar, por envolver a construção de equipamento, o desenvolvimento de um processo de produção, assim como pela necessidade de se utilizar equipamentos especiais de caracterização disponíveis em outras Instituições do País, como: LNLS, UNICAMP, e outras. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.