Busca avançada
Ano de início
Entree

O controle funcional do adipócitos pelos nutrientes: glicose e glutamina

Processo: 02/06819-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2002
Vigência (Término): 30 de novembro de 2003
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Fabio Bessa Lima
Beneficiário:Tarcila Beatriz Ferraz de Campos
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Adipócitos   Glutamina   Resistência à insulina   Hexosaminas

Resumo

O estudo da resistência à insulina envolve múltiplos aspectos, e a cultura primária de adipócitos oferece uma excelente oportunidade para abordar a questão. Foi demonstrado que adipócitos incubados com insulina desenvolviam resistência ao hormônio. A incubação simultânea com glicose (10 mM) e insulina, intensificava o quadro de resistência. A substituição de glicose por glicosamina promovia o quadro de resistência mais rápida e intensamente do que a glicose. Por outro lado, a glicose, ao ser metabolizada, pode gerar glicosamina-6-P, devido a ação de uma enzima, glutamina-frutose-6-P-amidotransferase (GFAT), que é uma enzima chave da via das hexosaminas, etapa inicial da O-glicosilação de proteínas. O bloqueio da atividade desta enzima por azaserina reverteu o quadro de resistência insulínica. Neste projeto, mediante o tratamento de adipócitos isolados em cultura primária com glicose e glutamina (de modo a fornecer os substratos para a via enzimática da GFAT) associado a insulina e dexametasona (de modo a se provocar um quadro de resistência à insulina) pretendemos avaliar como a GFAT afeta o metabolismo celular do adipócito, a sua resposta à insulina, a via de sinalização celular do hormônio, e a regulação de enzimas importantes do metabolismo celular - glicose-6-P-desidrogenase, citrato sintase e alfa-glicero-P desidrogenase. Em uma etapa posterior, estudos sobre a regulação da expressão gênica da GFAT serão realizados e confrontados com o quadro metabólico do adipócito. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.