Busca avançada
Ano de início
Entree

Vetores políticos e estéticos do cinema latino-americano dos anos 60 e 70

Processo: 08/55393-9
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2008
Vigência (Término): 07 de abril de 2009
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia
Pesquisador responsável:Rubens Luis Ribeiro Machado Júnior
Beneficiário:Yanet Aguilera Viruez Franklin de Matos
Instituição Sede: Escola de Comunicações e Artes (ECA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Artes   Cinema   Filosofia   Estética (arte)
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Arte | Cinema | Estetica | Filosofia | Politica | Sociologia

Resumo

Trata-se de analisar um longa e um curta-metragem de três cineastas latino-americanos. "Terra em Transe" e "Maranhão 66" de Glauber Rocha, "Yawar Mallku" e "Bolívia avanza" de Jorge Sanjinés e "Memoria del subdesarrollo" e "El arte del tabaco" de Tomas Gutierrez Álea. A idéia é criar um diálogo as obras mais admiradas destes diretores com curtas institucionais ou de "cavação" realizados por ele, em mais ou menos a mesma época e que de alguma maneira estão ligados aos poderes oficiais no Brasil, na Bolívia e em Cuba. Esta maneira de análise dos filmes implica uma abordagem do contexto econômico, social e político da década de 60 e 70 de cada país, marcando as similitudes e as diferenças. O objetivo é refletir sobre a interação dos pressupostos políticos e estéticos destes cineastas. Não se busca uma "revisão" das obras destes diretores ou da cinematografia latino-americana do período. Trata-se de pensar os filmes dentro de um conjunto que relaciona as obras - seus enfoques temáticos e seus procedimentos formais - com os processos de produção que dependem do contexto cultural e exonômico, e ainda do capital social e políticos, que cada um dos cineastas conseguiu amealhar em seu percurso cinematográfico. Um dos principais desdobramentos deste trabalho será descobrir as marcas que este processo deixou nas obras. No caso dos longas-metragens, de que maneira ele está presente - o que se torna explícito e o que está recalcado - e, nos curtas, se o projeto pessoal, político e cultural dos cineastas aparece e em que sentido - de modo a obter um quadro histórico dos conflitos que permearam essa época. Através deste estudo pretendemos montar um quadro comparativo dos cinemas modernos e engajados de vanguarda deste período que se insira no debate corrente sobre o cinema latino-americano. A pesquisa busca relacionar diferentes dimensões da prática cinematográfica, trabalhando com campos multidisciplinares, nos quais se destaca a relação entre estética e política. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)