Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliacao do potencial de fotobiorreatores na mitigação de co2 da industria petroquimica

Processo: 07/08477-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2008
Vigência (Término): 30 de junho de 2009
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Telma Teixeira Franco
Beneficiário:Mariana Carneiro Rachid Ribeiro
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Microalgas   Indústria petroquímica   Fotobiorreatores   Sequestro de carbono   Bioengenharia

Resumo

Segundo os dados internos da Petrobras, a empresa emitiu 2.989.053 ton equivalentes de CO2 no ano de 2005, sendo 98,83% deste total, representado pelas emissões de CO2. Neste contexto, o grande desafio da industria petroquímica é suprir a crescente demanda por combustíveis fósseis, sem promover alterações na estabilidade do clima do planeta. Em face disto, o objetivo deste trabalho é avaliar o potencial do uso de fotobiorreatores na mitigação de CO2 da indústria petroquímica. Em uma primeira etapa, um levantamento qualitativo e quantitativo das diferentes fontes geradoras de dióxido de carbono do processo de refino de petróleo da Refinaria de Paulínia (Replan/Petrobras) será avaliado em termos de temperatura, composição e concentração dos gases poluentes, visando simular as condições de maior potencial de aplicação em escala laboratorial. Posteriormente, serão conduzidos experimentos em fotobioreatores de coluna de bolhas em operação intermitente, alimentados com meio de cultivo, nas condições de inóculos de 100mg.L-1 de culturas de Aphanothece microscopica Nägeli na fase exponencial de crescimento, reator isotérmico operando a 30ºC, intensidades luminosas de 11klux e injeção de ar contaminado com diferentes composições de gases resultantes do processamento do petróleo na vazão de 1VVM. A conversão de CO2 nos sistemas será avaliada nas fases líquida e gasosa dos sistemas, expressas em termos de conversão em biomassa, em biopolímeros solúveis, em bicarbonatos e carbonatos e compostos orgânicos voláteis, visando o esbalecimento do balanço de material do fotobiorreator, além da quantificação do oxigênio gerado fotossinteticamente.