Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização morfológica e frequência dos estádios do ciclo do epitélio seminífero em preás (Galea spixii, Wagler, 1831) criados em cativeiro

Processo: 09/51718-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2009
Vigência (Término): 30 de junho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Antônio Chaves de Assis Neto
Beneficiário:Tassia Veluma Barbosa Carrara
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus Experimental de Dracena. Dracena , SP, Brasil
Assunto(s):Testículo   Galea spixii   Espermatogênese

Resumo

Este trabalho vem a complementar ao estudo que visa estabelecer os eventos que se sucedem na cronologia do desenvolvimento sexual do macho preá (fases impúbere, pré-puber, púbere, pós-pubere e maturidade sexual). A parte I do projeto vem sendo desenvolvido pelo o aluno bolsista Paulo Ramos de Silva Sousa (Processo FAPESP nº 08/57190-8 IC). A segunda parte, atinente aos nossos objetivos, é caracterizar e definir, pela primeira vez, os estádios e a freqüência do ciclo do epitélio seminífero nunca descrito na literatura para o preá. Serão utilizados testículos, em três fases: púbere, pós-púbere e maturo sexualmente. O material já foi coletado e enviado pelos nossos colaboradores no Centro de Multiplicações de Animais Silvestres da Universidade Federal Rural do Semiárido (Autorização IBAMA nº. 2028236/2008). No experimento as amostras de testículos serão fixadas em glutaraldéido 2,5% e em seguida, processadas para a microscopia de luz. Pretende-se elucidar aspectos da biologia reprodutiva do preá, com vistas a entender melhor os processos envolvidos na reprodução destes animais, podendo, assim, subsidiar pesquisas para a melhoria na sua produtividade, como também, pesquisas mais avançada no campo da reprodução, vislumbrando, também, o potencial desse animal para tomar-se um modelo experimental. (AU)