Busca avançada
Ano de início
Entree

Descricacao de uma nova espécie de apareiodon e verificação da ocorrência de miniaturização (Teleostei: Characiformes: parodontiade)

Processo: 07/03211-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Francisco Langeani Neto
Beneficiário:Angelita Capobianco
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Ictiologia   Ostariophysi   Inventário

Resumo

A Ordem Charciformes está entre os maiores grupos de peixes de água doce do mundo, são dezoito famílias, cerca de 270 gêneros e, pelo menos, 1674 espécies (Nelson, 2006). Parodontidae é uma família relativamente pequena dentro de Characiformes, reconhecida pela maioria dos autores, embora sua definição e sua relação com outros grupos não tenha sido investigada a contento e novas espécies devem ainda ser descritas (Pavanelli, 2003). Atualmente, são reconhecidos três gêneros dentro de Parodontidae: Apareiodon Eingenmann, Parodon Valenciennes e Saccodon Kner. As espécies de Apareiodon, o gênero com maior diversidade, são freqüentemente encontradas em ambientes lóticos ou semi-lóticos, alimentam-se geralmente junto ao substrato e podem manter-se ancoradas a ele utilizando as nadadeiras peitoaris e pélvicas; apresentam corpo relativamente deprimido, quando comparado a outros Characiformes, além de nadadeiras pares muito desenvolvidas e situadas em posição inferior ao corpo. Em recentes amostragens em lagoas marginais do alto rio Paraná, afluentes dos rios Grande e Paranapanema, foram encontrados exemplares de uma provável espécie nova de Apareiodon. Análises preliminares revelaram, ainda, que esta pode ser uma espécie miniatura. O presente trabalho, incluído dentro de projeto maior que envolve a síntese da ictiofauna do Alto Paraná, tem por objetivos a descrição deste novo táxon, a comparação com todas as demais espécies da família e a confirmação de seu status de primeira espécie miniatura do grupo.