Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso de acidos organicos para extrair metais pesados disponiveis para alface cultivado em latossolo tratado com biossolido.

Processo: 01/06019-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2001
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2003
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Maria Emilia Mattiazzo-Prezotto
Beneficiário:Camila Prado Cenciani de Souza
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Metais pesados   Biossólidos   Lodo de esgoto   Ácidos orgânicos

Resumo

O uso agrícola de biossólidos exige cuidados em relação à possível contaminação com metais pesados. Para o monitoramento das áreas que recebem este resíduo é essencial a estimativa da fitodisponibilidade destes metais. Entretanto ainda não existe um método de extração que apresente boa correlação com as quantidades fitodisponíveis. Uma das principais críticas é que os extratores químicos atualmente utilizados não simulam as reações que ocorrem na rizosfera. As plantas liberam exsudatos de raízes que possuem em sua composição ácidos orgânicos, que podem complexar metais que estavam na forma indisponível, solubilizando-os. O presente estudo é proposto com o objetivo de avaliar a viabilidade da utilização de alguns ácidos orgânicos excretados pelas raízes como extratores para estimar a disponibilidade de metais pesados utilizando plantas de alface cultivadas em solo tratado com biossólido. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: