Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do fornecimento de diferentes níveis de alumínio dietético na produção e qualidade óssea e dos ovos de codornas poedeiras (Coturnix japonica)

Processo: 09/05199-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2010
Vigência (Término): 30 de junho de 2011
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física Geral
Pesquisador responsável:Marcos Antonio de Rezende
Beneficiário:Renato Bocamino Doro
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Alimentação animal   Codornas   Porosidade   Densidade (física)   Alumínio

Resumo

O alumínio está presente de forma marcante em nosso cotidiano, com várias possibilidades de contaminação para o ser humano e animais através da ingestão de alimentos ou aditivos presentes neles ou também através do uso de medicamentos. Por apresentar uma forte carga elétrica, um forte poder de polarização e características similares com elementos da hidroxiapatita, o alumínio age como um competidor de nutrientes e, pode consequentemente, causar danos à saúde dos seres vivos. Diante disso, a presente pesquisa terá como objetivos estudar a influência de diferentes níveis de alumínio na dieta de codornas poedeiras, sobre as características físicas e químicas de seus ossos e ovos. A densidade e a porosidade óssea serão determinadas pelo método de imersão em água, utilizando o princípio de Arquimedes. O desempenho produtivo e a qualidade interna e externa dos ovos serão analisados periodicamente. Utilizando o método físico-químico (GFAAS - do inglês Graphite Furnace Atomic Absorption Spectrometry) serão quantificados os níveis de alumínio presentes nas amostras a fim de correlacioná-los com a densidade, desempenho e qualidade dos ovos. (AU)