Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização do bambu existente na região de ilha solteira para utilização na construção civil

Processo: 10/04801-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2010
Vigência (Término): 30 de abril de 2011
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Construção Civil
Pesquisador responsável:José Luiz Pinheiro Melges
Beneficiário:Tamires Pereira Quirino de Sousa
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Assunto(s):Bambu   Propriedades mecânicas

Resumo

O bambu é uma gramínea perene conhecida pelo homem desde os tempos pré-históricos, tendo sido utilizado como material de construção, alimento, arma e também como matéria-prima para muitos outros utensílios domésticos. É amplamente encontrado em quase todas as zonas tropicais, subtropicais e em muitas zonas temperadas, caracterizando-se por apresentar elevada resistência à tração, uma alta relação entre a resistência e o peso, um baixo custo para a obtenção de matéria-prima, e por ser fácil de ser trabalhado. Além disso, trata-se de um recurso auto-sustentável. Ele cresce mais rapidamente do que qualquer outra planta do planeta, necessitando, em média, de 3 a 6 meses para que um broto atinja sua altura máxima, de até 30 m, para as espécies denominadas de gigantes. No Brasil, existem inúmeras espécies de bambu que são indicadas por alguns pesquisadores como tendo um grande potencial de utilização. No Brasil, o bambu não é plenamente utilizado como um material estrutural, ao contrário do que ocorre em outros países, como, por exemplo, no Himalaia, onde, entre a China e o Tibet, gigantescas pontes foram construídas com cabos de bambu trançado. Essas obras inspiraram a construção das grandes pontes de aço, hoje comuns em diversos países. Sua leveza, associada a uma alta resistência, torna-o um material alternativo que poderia substituir parcialmente o aço em determinadas estruturas de concreto. Em regiões sujeitas a abalos sísmicos, o bambu é capaz de absorver elevada porcentagem de energia, apresentando também uma maior capacidade de deformação antes da ruptura, o que permite aliviar as tensões existentes. Das mais de 1400 aplicações que se conhece do bambu, muitas estão no campo da engenharia, e, em especial, na construção civil. Ele pode ser utilizado na execução de postes, andaimes, ou treliças, ou, quando aberto em taliscas, que são peças obtidas pelo seccionamento longitudinal do seu colmo, pode prestar-se à confecção de painéis trançados. Em levantamento para localização de espécies de bambu em Ilha Solteira e arredores, foram encontrados alguns exemplares na fazenda destinada a estudos da UNESP/FEIS no estado de Mato Grosso do Sul. Foi encontrada a espécie Bambusa vulgaris , uma espécie de bambu entouceirante, de médio porte, tendo como um de seus usos mais comuns a sua aplicação na construção civil. Deste modo, este projeto propõe o estudo e caracterização das propriedades do bambu, inicialmente com relação à sua resistência a compressão e ao seu módulo de elasticidade, tendo como objetivo contribuir, não como uma solução definitiva, mas com a possibilidade de uso de um material alternativo que auxilie a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento sócio-econômico regional.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)