Busca avançada
Ano de início
Entree

Comparação de padrões de variação e covariação fenotípica e integração morfológica de marsupiais neotropicais (Marsupialia, Didelphidae)

Processo: 03/08707-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2004
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Quantitativa
Pesquisador responsável:Gabriel Henrique Marroig Zambonato
Beneficiário:Leila Teruko Shirai
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:02/05804-6 - Evolução morfológica, biogeografia e sistemática em mamíferos neotropicais, AP.JP
Assunto(s):Marsupialia   Biologia comparada   Evolução animal   Evolução molecular   Evolução fenotípica   Morfologia animal   Estudo comparativo

Resumo

O fenótipo é composto por inúmeras partes que se relacionam durante o desenvolvimento de um organismo. Essas estruturas interagem harmoniosamente e desempenham funções de forma organizada, resultando na forma final do indivíduo. O conjunto de partes integradas que desempenham uma função (integração morfológica) são conhecidas como estruturas morfológicas complexas. Um dos maiores problemas na biologia moderna é entender como estruturas morfológicas complexas surgem durante o desenvolvimento e como elas são alteradas durante a evolução (Atchley & Hall, 1991). Estudá-las nos permite delinear os componentes que atuaram de maneira mais expressiva ou não na história da vida dos organismos, conjuntamente com dados biogeográficos, ontogenéticos, ecológicos e filogenéticos. A similaridade de padrões de variação permite inferências sobre as forças evolutivas que levam a diferenciações populacionais, além de possibilitar o estudo da evolução de relações entre caracteres, em resposta a alterações funcionais e/ou ontogenéticas (Marroig & Cheverud, 2001). Pretende-se com esse estudo comparar as estruturas de covariação e covariância craniana entre marsupiais neotropicais (Marsupialia, Didelphidae) e descrever os padrões de integração morfológica em um grupo de mamíferos não placentários. Estes padrões serão também comparados com macacos neotropicais (Platyrrhini) a fim de inserir o trabalho num contexto filogenético mais amplo. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SHIRAI, LEILA T.; MARROIG, GABRIEL. Skull Modularity in Neotropical Marsupials and Monkeys: Size Variation and Evolutionary Constraint and Flexibility. JOURNAL OF EXPERIMENTAL ZOOLOGY PART B-MOLECULAR AND DEVELOPMENTAL EVOLUTION, v. 314B, n. 8, p. 663-683, DEC 15 2010. Citações Web of Science: 42.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.