Busca avançada
Ano de início
Entree

Variabilidade genética em progênies de Corymbia citriodora (Eucalyptus citriodora) e Eucalyptus tereticornis por meio de parâmetros genéticos quantitativos para caracteres de enraizamento e produção de estacas.

Processo: 09/10663-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2009
Vigência (Término): 31 de maio de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Florestais e Engenharia Florestal - Tecnologia e Utilização de Produtos Florestais
Pesquisador responsável:Edson Seizo Mori
Beneficiário:André Lodi Trevisan
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Melhoramento genético vegetal

Resumo

Com a devastação das florestas naturais brasileiras, aliadas à crescente demanda de madeira nos mercados nacional e internacional, para energia, celulose, serraria e usos nobres, esforços tem sido empreendidos para que florestas de uso múltiplo sejam estabelecidas, e que estas além de atender os mercados consumidores também evitem que os ecossistemas nativos sejam explorados. Nesse contexto o gênero Eucalyptus tem elevada importância por apresentar a maior área plantada em todo o país entre as culturas florestais, entretanto, nos programas de melhoramento genético de Eucalyptus a maioria dos materiais genéticos superiores, altamente produtivos, que poderiam dar maiores ganhos de produtividade nas plantações comerciais, são descartados devido à dificuldade encontrada em seu processo de propagação a partir dos procedimentos que tradicionalmente são utilizados nos viveiros comerciais de produção de mudas, por isso neste trabalho objetiva-se estimar os parâmetros genéticos quantitativos em testes de progênies de Eucalyptus citriodora e Eucalyptus tereticornis para os caracteres enraizamento de miniestacas e capacidade de brotação de minitouças e desenvolver procedimentos para a melhoria da clonagem, por enraizamento de estacas, de progênies de Eucalyptus citriodora e Eucalyptus tereticornis. Serão utilizadas 20 progênies de Eucalyptus citriodora e 22 progênies de Eucalyptus tereticornis. Será utilizado um delineamento em blocos casualisados, com 4 repetições e 5 plantas por parcela. A estimativa dos parâmetros genéticos dos caracteres quantitativos será realizada utilizando o software GENES.