Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do envolvimento da chaperona hsp83 nos mecanismos de resposta ao estresse em Leishmania spp. pela caracterização de sua conformação e de sua interação com potenciais proteínas clientes

Processo: 08/58617-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Química de Macromoléculas
Pesquisador responsável:Carlos Henrique Inacio Ramos
Beneficiário:Melissa Regina Fessel
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:05/00462-8 - Estudo da estabilidade, estrutura e via de enovelamento de proteínas, AP.TEM
Assunto(s):Biofísica   Dobramento de proteína

Resumo

As células eucariotas possuem um sistema extremamente complexo e bem regulado que permite o controle de qualidade das proteínas produzidas. Este controle é importante para que as proteínas alcancem o seu enovelamento correto e funcional ou possam ser eliminadas quando situações de estresse interferem com este processo. O controle de qualidade celular é essencial a sobrevivência dos parasitas da espécie Leishmania pois estes são submetidos ao longo de seu ciclo de vida a diversos estresses ambientais (térmico, oxidativo ou replicativo, por exemplo). Estes parasitas alternam seu ciclo de vida entre o trato digestivo do hospedeiro invertebrado e o hospedeiro vertebrado. No caso de infecção de mamíferos, mudanças de ambiente requerem adaptação do parasita as bruscas variações de temperatura e de pH, ação de enzimas de digestão e resposta imune inatas, além de exposição ao óxido nítrico e as espécies reativas de oxigênio. As chaperonas moleculares estão entre as principais classes de proteínas que formam o sistema de controle de qualidade celular e dentre estas as proteínas da classe Hsp90 tem um papel central. O objetivo geral deste projeto é caracterizar a Hsp90 de Leishmania amazonensis, nomeada Hsp83, identificar suas proteínas clientes e estudar algumas destas interações do ponto de vista físico-químico. O maior mérito deste projeto está no estudo de um importante sistema para a homeostase celular em um parasita causador de uma doença humana negligenciada e para a qual não há vacina. Nesse contexto, pretendemos realizar o estudo do papel de Hsp83 na resposta a estresse em Leishmania como forma de elucidar os mecanismos de sobrevivência do parasita ao longo de seu ciclo de vida. (AU)