Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise de proveniência da formação marizal, sub-bacia do tucano-central, Cretáceo, BA

Processo: 09/51766-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2009
Vigência (Término): 30 de novembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Pesquisador responsável:Renato Paes de Almeida
Beneficiário:Simone Campos Carrera
Instituição-sede: Instituto de Geociências (IGC). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil

Resumo

Estudos de proveniência de sucessões sedimentares são uma importante ferramenta para a reconstituição da paleogeografia e do contexto tectônico de bacias sedimentares. Estudos de proveniência por métodos convencionais (contagem de seixos, de grãos em seção delgada e de concentrados de minerais pesados) ou por métodos de análise isotópica são geralmente utilizados para inferir a relação entre a bacia e suas áreas-fonte, levando a interpretações sobre o contexto tectônico regional. Uma outra aplicação, utilizada com menos freqüência, da análise de proveniência é a reconstituição detalhada das variações de áreas-fonte ao longo da evolução de uma determinada bacia e das variações locais da proveniência em intervalos estratigráficos específicos. Tais estudos podem trazer importantes inferências sobre o arranjo dos altos adjacentes à bacia e sobre os eventos tectônicos modificadores dos padrões das drenagens alimentadoras. O projeto em questão estudará depósitos sedimentares da Formação Marizal, unidade depositada durante a fase pós-rift da bacia do Tucano, localizada na região nordeste do Estado da Bahia. A unidade de estudo abrange principalmente ambientes de leques aluvias com deposição lacustre restrita. Especificamente nos depósitos que apresentam fácies conglomeráticas será utilizada a análise de proveniência macroscópica (contagem de clastos) como forma de avaliar as áreas que serviram como altos e fontes alimentadoras de sedimentos para a bacia. Como forma de complementar esta técnica e entender possíveis padrões de transporte sedimentar nesta área da bacia, serão avaliados a direção e o sentido do paleofluxo das fácies psamíticas nas quais estiverem preservadas estruturas sedimentares primárias. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FIGUEIREDO, FELIPE T.; ALMEIDA, RENATO P.; FREITAS, BERNARDO T.; MARCONATO, ANDRE; CARRERA, SIMONE C.; TURRA, BRUNO B. Tectonic activation, source area stratigraphy and provenance changes in a rift basin: the Early Cretaceous Tucano Basin (NE-Brazil). BASIN RESEARCH, v. 28, n. 4, p. 433-445, AUG 2016. Citações Web of Science: 9.
ALMEIDA, RENATO P.; FREITAS, BERNARDO T.; TURRA, BRUNO B.; FIGUEIREDO, FELIPE T.; MARCONATO, ANDRE; JANIKIAN, LILIANE. Reconstructing fluvial bar surfaces from compound cross-strata and the interpretation of bar accretion direction in large river deposits. SEDIMENTOLOGY, v. 63, n. 3, p. 609-628, APR 2016. Citações Web of Science: 8.
TAMURA, LARISSA NATSUMI; DE ALMEIDA, RENATO PAES; TAIOLI, FABIO; MARCONATO, ANDRE; JANIKIAN, LILIANE. Ground Penetrating Radar investigation of depositional architecture: the Sao Sebastiao and Marizal formations in the Cretaceous Tucano Basin (Northeastern Brazil). BRAZILIAN JOURNAL OF GEOLOGY, v. 46, n. 1, p. 15-27, MAR 2016. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.