Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do emprego do opióide sufentanil pela via epidural na espécie canina como fármaco analgésico, o os possíveis efeitos depressores respiratórios causados pelo mesmo

Processo: 02/07298-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2002
Vigência (Término): 31 de agosto de 2003
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Denise Tabacchi Fantoni
Beneficiário:Patricia Moraes
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Hemogasometria   Cães   Amputação   Anestesia   Sufentanil   Analgesia

Resumo

O objetivo deste trabalho é avaliar o emprego do opióide sufentanil pela via epidural como fármaco analgésico em cães que serão submetidos à amputação de membros, procedimento este que cursa com dor de graus moderado a severo. Os analgésicos opióides são bastante utilizados como agentes de eleição no combate a este tipo de dor. No que se refere ao uso do sufentanil na Medicina Veterinária, ainda existem poucos trabalhos que abordam a eficiência deste fármaco na analgesia pós-operatória e seus respectivos efeitos depressores. Neste experimento haverá dois grupos de cães, sendo que um deles receberá sufentanil pela via epidural dez minutos antes do término da cirurgia, e o outro grupo receberá este opióide pela mesma via, porém logo após a indução da anestesia. Os parâmetros que serão avaliados incluem freqüência respiratória e dados obtidos através de hemogasometria em momentos diferentes verificando-se assim, os efeitos sobre o sistema respiratório e o grau de analgesia obtido. Os dados serão compilados no final do experimento para uma avaliação das variáveis obtidas no mesmo através de análise estatística. (AU)