Busca avançada
Ano de início
Entree

A influência do uso da terra nas características limnológicas da água em microbacias: um estudo de caso na Bacia do Rio Corumbataí, SP

Processo: 08/08753-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2009
Vigência (Término): 30 de novembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Silvio Frosini de Barros Ferraz
Beneficiário:Gisele Biem Mori
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Limnologia   Uso do solo

Resumo

Os recursos hídricos sofrem grande impacto devido ao uso incorreto do solo, principalmente em agroecossistemas no Estado de São Paulo. A zona ripária é uma área de transição entre o ecossistema terrestre e o ecossistema aquático e possui características essenciais para a manutenção e conservação dos ecossistemas aquáticos e dos recursos hídricos. Ela é responsável por diversas funções ecológicas, como ciclagem de nutrientes, fluxo de energia e materiais, manutenção da temperatura (microclima) e habitat para espécies da região. Ela também realiza funções hidrológicas como a intervenção da água da chuva, diminuindo o escoamento superficial e o transporte de sedimentos para os rios e, conseqüentemente, diminuindo a erosão dos canais e contribuindo para a conservação das características limnológicas da água. A ocupação humana, principalmente as atividades agropecuárias, são fortes fontes de poluição e degradação do meio ambiente, inclusive dos recursos hídricos. Essa ocupação é o motivo da devastação de florestas, que são importantes para a manutenção da dinâmica de uma bacia hidrográfica. A conversão de áreas de florestas para áreas de agricultura e pastagem ocasiona diversas alterações nos sistemas aquáticos devido a diminuição das zonas ripárias, prejudicando a biota aquática e alterando a composição química e física da água. Neste trabalho, será estudada a influência da ocupação da terra na composição química e física da água de microbacias. O objetivo é obter conhecimentos mais detalhados sobre esta influência, e assim, fornecer maior embasamento para projetos de manejo e conservação deste recurso natural. Para isto, serão estudadas 15 microbacias que compõem a bacia do rio Corumbataí, nas quais serão realizadas coletas de água para análises limnológicas em conjunto com a análise estrutura da paisagem destas microbacias. Estas variáveis serão analisadas a partir de análise de Regressão Múltipla. O estudo será realizado na bacia do rio Corumbataí pois esta possui grande importância econômica no abastecimento de água de vários municípios da região, incluindo municípios que apresentam elevado contingente populacional e altos níveis de atividades agroindustriais, como Rio Claro e Piracicaba.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MORI, GISELE BIEM; DE PAULA, FELIPE ROSSETTI; DE BARROS FERRAZ, SILVIO FROSINI; MONTEIRO CAMARGOL, ANTONIO FERNANDO; MARTINELLI, LUIZ ANTONIO. Influence of landscape properties on stream water quality in agricultural catchments in Southeastern Brazil. ANNALES DE LIMNOLOGIE-INTERNATIONAL JOURNAL OF LIMNOLOGY, v. 51, n. 1, p. 11-21, 2015. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.